terça-feira, 25 de maio de 2010

Não Entre em Pânico!

Bom, venho hoje para fazer um post nada a ver com o meu original propósito do blog... Mas sobre algo que me interessa muito!
Hoje é #towelday ou, traduzindo #diadatoalha.
Para mais informações específicas: www.towelday.org
Mas, explico!

Douglas Adams é um super escritor, cuja série de maior sucesso (não sei se a única, mas é potencialmente a melhor) é a trilogia de cinco livros chamada "O Guia do Mochileiro das Galáxias".
A história é centrada em Arthur Dent, um inglês que se vê arrastado para uma incrível aventura no espaço, com vidas alienígenas que ele nunca imaginara existirem, ainda de pijama e robe. E toalha, é claro.
É aí que chega o nosso dia da toalha. Para homenagear Douglas Adams (que já é falecido), foi instituído o dia da toalha! O que o Guia do Mochileiro das Galáxias diz sobre a toalha:

A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valor prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon; pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas e pesadas do rio Moth; pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em um combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal (animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você - estúpido feito uma anta, mas muito, muito voraz); você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro; e naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoalvemente limpa.
E como funciona esse dia? Bom, você carrega uma toalha por aí, tira fotos, grava vídeos.. E é isso! A twitosfera Nerd mundial está enlouquecida com as toalhas. Eu? Eu não trouxe minha toalha. Se não tivesse uma reunião, até traria, mas é importante que os clientes e fornecedores pensem que ainda sou sã. Não necessariamente que eu seja.

Como não estou com minha toalha aqui, deixo essa humilde contribuição - celebre o dia da toalha como achar melhor, mas, se ainda não leu o Guia, poxa, leia HOJE! Eu tenho os 5 livros e recomendo (pelo menos os 4 primeiros, são incrivelmente engraçados).

Nenhum comentário:

Postar um comentário